segunda-feira, 17 de abril de 2017

Prefeitura Municipal do Assú - Cine Teatro Pedro Amorim anuncia programação do projeto “Palco dos Artistas”

Depois de uma pausa das atividades, indispensável em virtude da necessidade de alguns reparos físicos, técnicos, elétricos e hidráulicos, o Cine Teatro Pedro Amorim, em Assú, retoma este mês sua agenda sociocultural. E o ponto de partida se dará com o projeto denominado “Palco dos Artistas”, de acordo com a informação prestada pelo responsável pela coordenação do Cine Teatro, Marcos Henrique. O projeto será vivenciado em três datas: 21, 22 e 23 de abril corrente.
Marcos Henrique declarou que, a partir de agora, mensalmente o Cine Teatro abrirá suas portas para uma série de manifestações artístico-culturais, com ênfase na valorização dos artistas do Assú e região, muito embora haja espaço também para a apresentação de valores nos contextos estadual, nacional e internacional. “Este trabalho está em sintonia com a orientação do prefeito Gustavo Soares de resgatar a identidade cultural do Assú”, frisou o coordenador do Cine Teatro.
O projeto “Palco dos Artistas” terá sua abertura no próximo dia 21, sexta-feira, feriado nacional, a partir de 17 horas, com a realização da Noite Gospel, comandada pelos cantores Deybson Werick e Sulamita Galdino. No dia seguinte, 22 de abril, sábado, O calendário prossegue com jornada dupla: primeiro a apresentação da peça intitulada “Di Versos – Manifesto Poético”, a partir de 17 horas, com o grupo O Borná de Teatro; e, na sequência, “O Fantástico Mundo de Oz Junino”, com a Companhia Junina Arraiá Vixe Maria. Por fim, no dia 23, domingo, a partir de 16 horas, o cronograma é o seguinte: “Conte Outra Vez”, com Renato Wanderley; “Botando Boneco Por Trás do Pano”, com Shicó do Mamulengo; e, o espetáculo “Alice no País das Maravilhas”.
 

quarta-feira, 29 de março de 2017

Aditivo amplia calendário de inscrições de certame seletivo simplificado

A edição desta terça-feira, dia 28, do DOM-Diário Oficial do Município trouxe a publicação do Aditivo nº 001/2017 ao Edital de Convocação nº 001/2017 do Processo Seletivo Simplificado na esfera da SMEC-Secretaria Municipal de Educação e Cultura. O Aditivo elasteceu o prazo de inscrições que, agora, se prolongará até a próxima quinta-feira, dia 30. O atendimento aos interessados é na sede da SMEC (Rua Bernardo Vieira, 22, Centro) de 8 horas às 12 horas.
Os resultados serão afixados no quadro de avisos SMEC e publicados no DOM, divulgado através do portal eletrônico do município, com data prevista para o dia 04 de abril. Os interessados poderão apresentar recurso com razões dirigidas aos membros da Comissão até ás 12h do dia 06 de abril, no auditório da SMEC. Caberá a Comissão julgar o recurso e titular da Secretaria validar o resultado final que deverá ser imediatamente publicado. A íntegra do Aditivo está acessível no DOM desta terça, publicado no site www.assu.rn.gov.br.
No quadro abaixo informações sobre cargos/funções, quantitativo disponível, período de contratação e faixa de remuneração mensal:

Função/Atividade
Vagas
Contratação
Salário Bruto
Prof. Educ. Infantil/Anos Iniciais
21
Imediata
R$ 1.982,00
Prof. de Português
04
Imediata
R$ 1.982,00
Prof. de Inglês
02
Imediata
R$ 1.982,00
Prof. de Artes
01
Imediata
R$ 1.982,00
Prof. de Educ. Física
01
Imediata
R$ 1.982,00
Prof. de Matemática
05
Imediata
R$ 1.982,00
Prof. de Ciências
04
Imediata
R$ 1.982,00
Prof. de História
01
Imediata
R$ 1.982,00
Prof. de Geografia
01
Imediata
R$ 1.982,00

domingo, 26 de março de 2017

Rio de Janeiro: manifestantes pedem o fim do foro privilegiado

No Rio de Janeiro, manifestantes se aglomeram na Avenida Atlântica, em Copacabana, zona sul, desde as 10h deste domingo, 26, para participar de passeata em apoio à Operação Lava-Jato. Enquanto não inicia a caminhada, muitos aproveitam para tirar fotos em seus celulares com o boneco do ex- presidente Lula vestido de presidiário, de cerca de 5 metros, ao fundo.

O protesto é organizado por oito movimentos, os mesmos que foram as ruas pedir o impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff, como o Movimento Brasil Livre. Além de reivindicarem a prisão de políticos petistas, eles pedem o fim do foro privilegiado a autoridades eleitas e a continuidade das investigações da Polícia Federal.

As cores verde e amarela predominam nas roupas e a extensa bandeira nas mesmas cores, que marcou as manifestações desses grupos durante o processo de impeachment, foi estendida mais uma vez neste domingo. Muitos ainda vestem camisa com a imagem do deputado federal Jair Bolsonaro e a frase "Bolsonaro Presidente"

A expectativa da organização é que 30 mil pessoas venham para a Avenida Atlântica na manhã e início de tarde deste domingo de forte sol para participar do protesto. No Facebook, 160 mil confirmaram presença. 

"A situação do País angustia a gente. Temos vergonha dos congressistas", afirmou a professora aposentada Ana Maria Saraiva, moradora do bairro de Ipanema, zona sul carioca. Ela participa ao lado de um grupo de amigas que também são professoras aposentadas, algumas trabalharam em escolas do Estado do Rio e estão recebendo aposentadoria com atraso.

Doria pretende privatizar Anhembi e Interlagos até o fim do ano.

A gestão João Doria (PSDB) pretende privatizar até o fim do ano os complexos de Interlagos, na zona sul, e do Anhembi, na zona norte de São Paulo. O projeto de desestatização dos espaços é considerado "prioridade" e deve ser enviado para a Câmara de Vereadores em abril, segundo informou o prefeito na manhã deste domingo, 26. De acordo com Doria, o acesso aos dois locais será livre e gratuito para a população, com exceção dos dias de realização de eventos.

Após visitar o Lollapalooza no sábado, 25, realizado em Interlagos, o prefeito afirmou que pode se inspirar no formato do festival para a Virada Cultural, marcada para os dias 20 e 21 de maio. "Vi toda a logística. Gostei muito, mostra a viabilidade daquele espaço também para o entretenimento ao ar livre, seguro, tranquilo, com ocorrências mínimas e um grande entusiasmo das pessoas. O Lollapalooza é uma declaração muito clara de que Interlagos é um local para grande volumes de pessoas", afirmou, após reiterar que a Virada deve ocorrer em diversos pontos de São Paulo, não apenas na zona sul.

Doria anunciou ainda que a Companhia de Entrepostos e Armazéns Gerais de São Paulo (Ceagesp) deve deixar a atual sede na Vila Leopoldina em até três anos, sem detalhar como funcionará a mudança. Após esse período, a atual sede ganhará status de "praça", reunindo espaços gastronômicos e de lazer. 

O prefeito esteve neste domingo, 26, na Praça Barão de Ibirocaí, na Vila Jaguara, zona norte da capital, para participar de mais uma edição do Mutirão Mario Covas. No local, ele plantou uma muda de pau-brasil e ajudou a fazer o calçamento da praça, momento em que desenhou um coração e escreveu "Ame SP" no concreto ainda úmido.

Comitiva de Assú tratou em Encontro Estadual sobre ações relativas ao projeto “Criança Feliz”


  
A fim de encaminhar providências objetivando a efetivação do projeto “Criança Feliz” no município, uma equipe da Prefeitura se dirigiu na manhã desta sexta, dia 24, à capital do estado, para compromisso na Escola de Governo. A delegação foi constituída pela secretária executiva de Desenvolvimento Humano, Rizza Montenegro; a secretária de Assistência Social, Trabalho, Cidadania e Habitação, Helenora Rocha; e, o presidente do CMAS-Conselho Municipal de Assistência Social, Carlos Júnior. A adesão do município ao projeto, do Governo Federal, mereceu a concordância do prefeito Gustavo Soares.
O 3º Encontro da Assistência Social, realizado pela SETHAS-Secretaria Estadual do Trabalho, Habitação e Assistência Social e pelo CEAS-Conselho Estadual da Assistência Social, reuniu cerca de 400 gestores e conselheiros municipais do setor, para debater a importância do SUAS-Sistema Único da Assistência Social. Essa terceira edição teve como tema “A Gestão e o Controle Social no Fortalecimento do SUAS” e trouxe o coordenador geral de Gestão Descentralizada e Participação Social, do MDSA-Ministério do Desenvolvimento Social e Agrário, André Yosan, e a diretora da Proteção Social Básica, Renata Ferreira, que trataram da gestão da Política da Assistência Social e do projeto “Criança Feliz”.
O “Criança Feliz” incentiva as famílias a cuidarem melhor das suas crianças, através de visitas promovidas por assistentes sociais do Governo Federal, orientando essas famílias de como o tratamento deve ser feito, de como a amamentação deve acontecer e também de algumas dicas de nutrição infantil. O projeto busca o acompanhamento das famílias mais de perto através da contratação de mais assistentes sociais. Segundo informação da secretária executiva Rizza Montenegro, a agenda também tratou da realização da Conferência Municipal de Assistência Social, parceria da Prefeitura e do CMAS.

Prefeito Gustavo Soares reitera empenho para superar gargalos e otimizar a saúde pública



Acompanhado de auxiliares diretos, parlamentares e demais colaboradores, o prefeito Gustavo Soares dedicou todo o período da manhã desta sexta, dia 24, a uma intensa agenda de visita a núcleos de saúde e outras estruturas públicas. O itinerário teve seu ponto inaugural n UBS-Unidade Básica de Saúde do conjunto Parati 2000, que teve restabelecido seu atendimento esta semana após a execução de alguns reparos físicos necessários. O prefeito pôde conversar com pacientes e servidores objetivando tomar pé dos problemas ainda existentes. Dr. Gustavo constatou que algumas ações já melhoraram os serviços visivelmente.
Na sequência, no mesmo trecho residencial, o chefe do Executivo vistoriou a obra de construção do Polo de Academia da Saúde e Bloco de Apoio. A obra, em parceria com a União, possui dotação orçamentária total de R$ 260.593,01, conforme informação do secretário de Obras Públicas, Marcelo Galvão. O Polo será dotado de infraestrutura, equipamentos e profissionais qualificados, e complementam o cuidado integral e fortalece as ações de promoção da saúde em articulação com outros programas e ações de saúde como a ESF-Estratégia da Saúde da Família, os NASF-Núcleos de Apoio à Saúde da Família e a Vigilância em Saúde.
O desfecho da agenda se deu no PSM-Pronto Socorro Municipal, onde Dr. Gustavo testemunhou relatos acerca de consequências provenientes da desatenção do governo passado com a qualidade da saúde pública à população. Discutiu as medidas que até aqui foram possíveis implementar no PSM, dentre as quais a consolidação do Protocolo de Atendimento, garantia de material básico para os pacientes e as restaurações na climatização dos espaços interiores do prédio. Observou, ainda, que o PSM já dispõe de dois médicos nos fins de semana, propiciando atendimento eficaz e humanizado à coletividade.


sexta-feira, 24 de março de 2017

Secretaria de Obras Públicas inicia reparos emergenciais no Sobrado da Baronesa


Atendendo solicitação formulada pelo secretário adjunto de Cultura, Paulo Sérgio de Sá Leitão, e mediante pronta autorização do prefeito Gustavo Soares, a Secretaria de Obras Públicas começou uma série de ações emergenciais na estrutura física do Sobrado da Baronesa – principalmente no telhado –, no qual se instala a Casa de Cultura Popular sob gestão da FJA-Fundação José Augusto, órgão autárquico do Governo do Estado.
Aflito com o cenário de deterioração do centenário imóvel e ante a absoluta inércia da FJA no sentido de restaurá-lo, em que pese estar sob controle do Estado, o secretário Paulo Sérgio apelou ao governo municipal que, de imediato, determinou a execução dos serviços no prédio que simboliza um dos importantes patrimônios culturais do Assú. O secretário adjunto de Cultura lamentou a posição de total ausência do Estado diante da questão.
O secretário municipal Paulo Sérgio agradeceu à sensibilidade do prefeito Gustavo Soares, da vice-prefeita Sandra Alves, da secretária de Educação e Cultura, Shirley Albano, e do secretário de Obras Públicas, Marcelo Galvão, permitindo que algo seja feito para ao menos atenuar o risco de o Sobrado da Baronesa, expressiva peça histórica do município, vir a desmoronar em razão do visível descaso do Governo do Estado.